Novo ministro Saudita, Dominância Energética e Irã

Trump after Meeting with Mohammed bin Salman

No inicio dessa semana o Ministro da Energia da Arábia Saudita, Khalid al-Falih, foi dispensado do seu cargo, uma semana depois de ter perdido seu posto de Presidente da Saudi Aramco, a petroleira estatal saudita. Falih foi substituído pelo príncipe Abdulaziz bin Salman, filho do rei saudita.

A saída de Falih do governo, de acordo com Wall Street Journal, marca a perda de uma das figuras públicas mais conhecidas da Arábia Saudita e é outro sinal da turbulência em torno da iniciativa do príncipe herdeiro, Mohammad bin Salman, de transformar a economia saudita e torná-la menos dependente do petróleo.

A expectativas é de que a Arábia Saudita continue apoiando os cortes de produção liderados pela OPEP sob o novo ministro da Energia, príncipe Abdulaziz Salman. De acordo com a Reuters, como o príncipe é veterano na formulação de políticas da Opep, não se espera que ele mude a política do reino, já que o mesmo ajudou a negociar o atual acordo da OPEP+ para cortar a oferta global de petróleo para apoiar a subida de preço do barril. 

Já o vice-secretário de energia dos EUA, Dan Brouillette, disse à rede de TV CNBC na segunda-feira, que os EUA desejam alcançar o “domínio da energia”, independentemente do que acontecer com os preços do petróleo.

“O presidente tem uma estratégia de ‘all of the above’. Ele fala muitas vezes sobre domínio da energia e o mundo sempre pergunta: o que isso significa? Simplesmente significa que vamos produzir o máximo de energia possível, da maneira mais limpa e econômica possível.”

Apesar da Opep continuar lutando para sustentar os futuros de petróleo este ano, em meio a uma perspectiva de deterioração do crescimento global e uma prolongada disputa comercial entre os EUA e a China, Brouillette ressaltou que o caminho do príncipe Abdulaziz Salman não será fácil.

Ele reforçou que a produção americana continuará inundando o mercado e forçando preços para baixo. Dados fornecidos pela US Energy Information Administration(EIA) demonstram que os americanos estão no caminho de bombear mais de 13 milhões de barris por dia este ano e possivelmente até 13,5 milhões de barris por dia em 2020.

Hoje (10/09, Terça-feira), os preços do petróleo caíram rapidamente depois que o presidente Donald Trump demitiu o John Bolton como consultor de segurança nacional. A saída surpresa de Bolton provocou uma expectativa de que as tensões entre os Estados Unidos e o Irã poderiam diminuir, ou pelo menos dar fim a chace de um conflito militar entre as nações.

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem
Trump in a meeting with John Bolton

Bolton foi um forte defensor da campanha de “pressão máxima” do governo Trump contra o Irã, devido ao acordo envolvendo restrições a armas nucleares. Essa campanha foi construída com base em sanções duras que causaram uma queda nas exportações de petróleo do Irã, fazendo-as caírem cerca de 2 milhões de barris por dia desde o verão de 2018, segundo o ClipperData. A situação entre as nações atingiu um atrito extraordinário após dois petroleiros serem atacados no golfo de Omã e o secretário de Estado, Mike Pompeo, atribuir o ataque aos Iranianos.

Entretanto não está claro que a partida de Bolton tenha sido relacionada à política do Irã. De acordo com a CNN, Trump ficou irritado com relatos de que ele havia enfrentado uma reação interna de Bolton por sua decisão de hospedar líderes do Taliban em Camp David. O presidente americano em seu Tweet anunciando a demissão de Bolton não mencionou o Irã.

João Vitor
Diretor de Projetos do Portal do Petroleiro
Graduando em Engenharia de Petróleo

FONTE:

  1. John Bolton was fired, and the price of oil instantly fell, https://edition.cnn.com/2019/09/10/investing/john-bolton-oil-prices/index.html
  2. US wants energy dominance regardless of what happens to oil prices, deputy energy secretary says, https://www.cnbc.com/2019/09/09/saudi-arabias-new-energy-minister-has-work-cut-out-dan-brouillette.html
  3. Saudi Arabia Names New Energy Minister, https://www.wsj.com/articles/saudi-arabia-names-new-energy-minister-11567895724
  4. iran’s oil exports have plunged by about 2 million barrels per day since the summer of 2018, https://blog.clipperdata.com/topic/iran-oil-exports


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.